Search

Crítica: “Coisa Mais Linda” (2ª Temporada)


A primeira temporada de “Coisa Mais Linda” não parecia estar totalmente lapidada em seu lançamento, mas seu potencial era inegável. Uma produção nacional que exaltava a era de ouro da Bossa Nova sem deixar de lado todas as problemáticas sociais que eram invisibilisadas na época.

O retorno da série é marcado por um roteiro que soa bem menos engessado nas telas e, uma vez que as personagens já foram muito bem apresentadas anteriormente, uma maior profundidade narrativa. Ainda que sua potente agenda continue sendo inserida com leveza e didática nas medidas certas.

Por mais satisfatório que seja assistir os pequenos avanços sociais (coerentes ou não com o contexto) que as personagens de Maria Casadevall e Mel Lisboa trazem para a trama, o grande destaque ficou para a potente atuação de Pathy DeJesus no arco de Adélia. Tem espaço para muito sentimento de falsa “reparação histórica” nessa trama que ás vezes cai em um tom quase fantasioso, mas sem ignorar as represálias que as mulheres que se emancipam de certos conceitos sofriam.

Certas situações são difíceis de se assistir, e mais difícil ainda é perceber que pouco mudou atualmente em meio a tanto retrocesso. Mas as maiores lições aparecem sutilmente nos diálogos mais despretensiosos, como nas cenas em que a pequena Conceição (Sarah Vitória) começa a questionar o mundo que a vê de forma tão diferente pela cor de sua pele.

São 6 episódios que desenvolvem uma trama consistente, sem se perder nas diversas temáticas que se propõem a abordar. E com uma estética tão agradável e uma trilha sonora tão reconfortante fica difícil não assistir tudo de uma vez.

E quando tudo parece caminhar para uma adorável finalização de um ciclo, vem o cliffhanger para mais uma temporada potencialmente emocionante (caso façam a coisa certa e a série seja renovada).

As 2 Temporadas de “Coisa Mais Linda” já estão disponíveis na Netflix: https://www.netflix.com/br/title/80208298

NAVEGUE

Todas as imagens de filmes, séries, artistas, editoriais e etc são marcas registradas dos seus respectivos proprietários e usadas aqui sem fins lucrativos.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now