Search
  • DARA

Crítica: CURON



“Curon”, a nova e esperada série de mistério italiana recém chegada na Netflix, conta com 7 episódios na sua primeira temporada, que gira em torno dos mistérios e segredos de uma pequena cidade italiana, e as famílias que a habitam.


Anna faz parte de uma das famílias mais tradicionais da cidade e, dezessete anos após um acontecimento traumático que a afastou de casa, ela retorna com seus filhos gêmeos adolescentes para tentar recuperar o relacionamento com seu pai, e acaba encontrando muito mais do que esperava.

Com uma trama repleta de segredos, rivalidades familiares e tensões, a série constrói muito bem um clima mórbido e melancólico, principalmente através da ambientação, que é muito bonita e expressiva. No entanto, a narrativa demora muito para engatar. Tudo parece raso e tão subjetivo que fica difícil definir o que esperar. E isso poderia ser bom, se não demorasse tanto para se desenvolver. As cenas se arrastam com diálogos pouco eficientes e é difícil manter a atenção pela maior parte dos, pelo menos, 4 primeiros episódios. Depois disso, tudo fica mais fluido e a história se concretiza.


A trama traz uma mitologia interessante e tem muitos momentos positivos, mas falha em construir uma narrativa envolvente e contínua.



A primeira temporada está disponível na Netflix.


NAVEGUE

Todas as imagens de filmes, séries, artistas, editoriais e etc são marcas registradas dos seus respectivos proprietários e usadas aqui sem fins lucrativos.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now