Search

Crítica: "Hunters" (1ª Temporada)



Após o misterioso assassinato de sua avó, o jovem judeu Jonah Heidelbaum (Logan Lerman) fica desolado e sem respostas. Até que descobre que ela fazia parte de um grupo de caçadores de nazistas e decide assumir o posto dela para fazer justiça com as próprias mãos.


Em meio a um molde Netflix em que quantidade vem acima de qualidade e uma produção só precisa ser relevante até o lançamento da próxima semana a ofuscar, a Amazon Prime Video se garante com conteúdos originais mais densos sendo lançados de forma pontual.


“Hunters” é uma produção primorosa. Seja pela qualidade cinematográfica de sua fotografia, a riqueza de detalhes de sua direção de arte ou o espetacular elenco escolhido.


A atmosfera 70´s criada remete á obras de Tarantino, o que é perceptível desde o material de divulgação. O que torna ainda mais surpreendente o impecável uso de flashbacks majoritariamente ambientados em campos de concentração. Além das brilhantes intervenções cênicas e recursos de tela que trazem referências á marcos da cultura pop da época.


A duração da temporada assusta em um primeiro momento por seus 10 episódios com mais de 1 hora cada, mas instiga a ponto de ser impossível de parar (mesmo precisando ter estomago para processar grande parte da temática abordada).



E por mais satisfatório que seja assistir surra em nazista, o melhor da narrativa é a forma sensível com que foca nos abalos emocionais e traumas que constroem as personalidades das personagens. O enredo apresenta diversas narrativas paralelas, todas complementares e bem desenvolvidas.


Logan Lerman constrói a complexidade do protagonista com precisão. É interessante ver as associações criadas entre os altos e baixos da vida de sua personagem com referências aos quadrinhos do Batman.

Consegue ser mais notável que Al Pacino repetindo a mesma fórmula de sempre.


Os coadjuvantes são orquestrados com maestria em conjunto e também garantem destaque individual, como os alívios cômicos de Josh Radnor (“How I Met Your Mother”) e Carol Kane (“Unbreakable Kimmy Schmidt”) e as eletrizantes cenas de ação entregues por Kate Mulvany (“The Great Gatsby”) e Louis Ozawa (“Spectral”).


Humor nada convencional, imersão frenética e plot twists consistentes fazem da série um dos melhores entretenimentos em serviço de streaming dos últimos tempos.


“Hunters” está disponível no catálogo da Amazon Prime Video:

NAVEGUE

Todas as imagens de filmes, séries, artistas, editoriais e etc são marcas registradas dos seus respectivos proprietários e usadas aqui sem fins lucrativos.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now