Search

Resumão: Golden Globes 2020


Aconteceu nesse domingo (5) a 77ª cerimônia do Golden Globe Awards, premiando os melhores da TV e Cinema do ano de 2019. Em meio às queimadas na Austrália e um momento de maior conscientização ambiental, a organização do evento foi elogiada por optar por um cardápio 100% vegano para a noite em prol de uma maior sustentabilidade.


Confira alguns dos looks que passaram pelo Tapete Vermelho:




O host da noite foi o ator e comediante inglês Ricky Gervais (The Office), em sua quinta (e provavelmente última) vez à frente da cerimônia. Sua acidez conseguiu garantir boas risadas em críticas relevantes sobre o meio, mas errou a mão em falas problemáticas como “Foi um bom ano para filmes de pedófilos: 'Surviving R. Kelly', 'Leaving Neverland', 'Dois papas'” e “Se você ganhar um prêmio hoje à noite, não o use como plataforma para fazer um discurso político”.


Felizmente o “conselho” foi ignorado e a noite foi marcada por potentes e necessários discursos, como Michelle Williams (Melhor atriz em série limitada por “Fosse/Verdon”) defendendo os direitos da mulher sobre o próprio corpo e a atriz Patricia Arquette (Melhor atriz Coadjuvante em série limitada por “The Act”) clamando por um voto consciente na próxima eleição presidencial dos EUA.



As categorias televisivas surpreenderam em suas divergências com os premiados da última edição do Emmy Awards, dando espaço para as previamente ignoradas “Succession” (HBO) e “Ramy” (Hulu) se destacarem ao lado da queridinha “Fleabag”.


Nas categorias cinematográficas não foi surpresa a consagração das atuações de Taron Egerton (Rocketman), Renée Zellweger (Judy), Joaquin Phoenix (Joker) e Awkwafina (The Farewell), mas o grande vencedor da noite foi o ainda pouco falado “1917”, levando Melhor Filme – Drama e o prêmio de Direção para Sam Mendes.


A Disney foi desbancada na categoria de Melhor Animação, mesmo produzindo 3 dos 5 indicados (Frozen 2, Toy Story 4 e o live-action de O Rei Leão). O prêmio foi para o stop-motion "Link Perdido" do diretor Chris Butler.


O tradicional prêmio Cecil B DeMille desse ano consagrou a carreira do veterano Tom Cruise, que mesmo visivelmente gripado fez um comovente discurso. Já o recente Carol Burnett Award, que celebra as contribuições para TV, foi para atriz e apresentadora Ellen DeGeneres, não só por seus quase 25 anos de carreira mas também por seu ativismo e filantropia para além das câmeras.




Confira a lista de vencedores:


Melhor filme – Drama

“1917”


Melhor Filme - Musical ou Comédia

“Era uma Vez em... Hollywood”


Melhor atriz de filme – Drama

Renée Zellweger (“Judy ”)


Melhor ator de filme – Drama

Joaquin Phoenix (“Coringa”)


Melhor ator em filme - Musical ou Comédia

Taron Egerton (“Rocketman”)


Melhor atriz em filme - Musical ou Comédia

Awkwafina (“The Farewell”)


Melhor ator coadjuvante em filmes

Brad Pitt (“Era uma Vez em... Hollywood”)


Melhor Direção

Sam Mendes (“1917”)


Melhor música para filmes

“(I’m Gonna) Love Me Again” (“Rocketman”)


Melhor atriz coadjuvante em filmes

Laura Dern (“História de um casamento”)


Melhor animação

“Link perdido”


Melhor roteiro para filme

Quentin Tarantino (“Era uma Vez em... Hollywood”)


Melhor atriz em série de TV - Musical ou Comédia

Phoebe Waller-Bridge (“Fleabag”)


Melhor ator em série de TV - Musical ou Comédia

Ramy Youssef (“Ramy”)


Melhor ator em série limitada ou filme para TV

Russell Crowe (“The Loudest Voice”)


Melhor ator coadjuvante em série, série limitada ou filme para TV

Stellan Skarsgård (“Chernobyl”)


Melhor série – Drama

“Succession”


Melhor série - Musical ou Comédia

“Fleabag”


Melhor filme em língua estrangeira

“Parasita”


Melhor trilha sonora original para filmes

Hildur Guðnadóttir por “Coringa”


Melhor série limitada ou filme para TV

“Chernobyl”


Melhor atriz em série limitada ou filme para TV

Michelle Williams (“Fosse/Verdon”)


Melhor atriz coadjuvante em série, série limitada ou filme para TV

Patricia Arquette (“The Act”)


Melhor atriz em série de TV – Drama

Olivia Colman (“The Crown”)


Melhor ator em série de TV – Drama

Brian Cox (“Succession”)

NAVEGUE

Todas as imagens de filmes, séries, artistas, editoriais e etc são marcas registradas dos seus respectivos proprietários e usadas aqui sem fins lucrativos.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now